Impactos e riscos da mudança do clima na infraestrutura de transporte rodoviária e ferroviária federal

O projeto “Apoio ao Brasil na Implantação da Agenda Nacional de Adaptação à Mudança do Clima - PROADAPTA”, em parceria com o Ministério de Infraestrutura (MInfra), visa favorecer o aumento da resiliência climática do Brasil, por meio da implementação efetiva da Agenda Nacional de Adaptação, mediante apoio a processos de coordenação e cooperação entre as três esferas de governo, setores econômicos e sociedade civil. Assim, o presente estudo tem como objetivo realizar um levantamento dos impactos e riscos da mudança do clima sobre infraestrutura federal de transportes terrestres (rodovias e ferrovias)existente e projetada, como subsídio para o desenvolvimento de estratégias de adaptação no setor, no âmbito do PROADAPTA.

Os objetivos específicos do estudo são: (i) Levantar o histórico de impactos associados ao clima; (ii) Identificar as principais ameaças climáticas atuais e em cenários de mudança do clima; (iii) Levantar o nível de vulnerabilidade (sensibilidade e capacidade adaptativa) dos modos de transportes terrestres; (iv) Avaliar o nível de risco climático dos modos de transportes terrestres; (v) Identificar e priorizar medidas de adaptação; (vi) Fornecer informações (dados, indicadores e índices) no formato necessário para incorporação ao Adapta Brasil do Ministério de Ciência e Tecnologia (MCTI); (vii)Fornecer subsídios para incorporar a avaliação de risco climático e as medidas de adaptação nos mecanismos e instrumentos de tomada de decisão considerando cada fase do ciclo de vida dos ativos de infraestrutura de transportes terrestres (planejamento, estudos e projetos, implantação, manutenção e operação).

Cliente: Ministério da Infraestrutura (MInfra) / GIZ

Parceiros: PET/COPPE/UFRJ – COPPETEC e GITEC-IGIP GmbH

Data do Projeto: 04/2021 – 01/2022

*Crédito da foto: Rafael Neddermeyer